Get Adobe Flash player

Etiqueta x Crianças

Comemorando a semana da criança, acho bacana que todas as atenções se voltem para os “baixinhos”. Não só para descobrir qual brinquedo vai lhes deixar mais eufóricos, ou qual o passeio que vai ser mais legal ou para permitir verdadeiras bagunças que justifiquem as comemorações. Mas sim, oferecendo a eles oportunidades de crescer cercados de bons exemplos, de respeito e recebendo orientações valiosas quanto à educação, boas maneiras e princípios básicos de etiqueta, preocupações indispensáveis de quem ama de verdade.

Algumas situações são importantes para que as crianças exercitem boas maneiras e entendam o valor de atitudes educadas e polidas.

Vamos a elas:

• A criança deve aprender respeitar os pais e os mais velhos. Quando for adulto terá a devida noção da importância de uma autoridade e do seu próximo.
• A criança deve tratar com carinho e gentileza os funcionários de sua casa.
• Ela deve sempre cumprimentar as pessoas e dirigir-lhes alguma palavra agradável.
• A criança deve saber que nem todas as verdades devem ser ditas, e que a maneira como se diz as coisas pode magoar as pessoas.
• Tudo que se empresta dos outros deve ter a permissão do proprietário, isso deve estar bem claro para ela, bem como o cuidado com as coisas dos outros.
• Os adultos devem levar as crianças ao cinema e teatro sempre que possível. Assim, aprendem que devem fazer silêncio em determinados lugares, e apresentar-se mais bem vestidos, conforme a ocasião.
• Os meninos devem saber que cavalheirismo nunca sai de moda, e que as meninas devem ter preferência para entrar em qualquer lugar.
• Controlar as emoções é sinal de equilíbrio e polidez. Criança que faz escândalo é criança mal educada.
• Nunca esquecer as palavras mágicas “com licença’, “obrigado”, “desculpe”, ”por favor,”.
• À mesa, colocar o guardanapo no colo, não apoiar os cotovelos na mesa, ter postura correta, mastigar com boca fechada, não falar de boca cheia, falar baixo, não gesticular com talheres na mão e não picar os alimentos de uma só vez.
• Também é importante não fazer careta diante de algum alimento, e só começar comer quando todos estiverem servidos.
• Servir-se com moderação e não monopolizar a atenção dos pais também indica boa educação.

Crianças e jovens que receberam noções de etiqueta e boas maneiras, com certeza serão destaque na sua vida adulta, seja em âmbito social ou profissional. Daí pode-se reconhecer o diferencial de quem se preocupa em adquirir traquejo social e alcançar sucesso profissional.

 

Pesquisa

Dicas Rápidas

Fracionar as refeições ao longo do dia dá a sensação de que a fome diminui..

Visitantes

Nós temos 105 visitantes online

Enquete

O que você acha do atraso da noiva no próprio casamento ?